Arquivo da tag: Cheque Especial

Custo x Burocracia

Se em algum momento você parou para ver quais são as taxas de juros das linhas de crédito existentes (cheque especial, empréstimo consignado, financiamento imobiliário etc) com certeza se deparou com taxas bem diferentes. Você sabe por que elas variam tanto? Neste texto falaremos sobre como a burocracia antes da contratação das linhas de crédito influenciam diretamente na taxa.

Quando uma instituição financeira disponibiliza uma linha de crédito (empréstimo) ela corre risco de não receber de volta o valor emprestado, pois alguns contratos que a instituição firma com seus clientes não possuem garantias (contrato de boa fé).

Do ponto de vista da instituição quanto maior o risco que ela corre maior a taxa de juros que deverá ser cobrada. Para tentar diminuir esse risco, em algumas linhas, há um levantamento prévio de algumas informações sobre o cliente, sua possibilidade de pagamentos, bens, fiadores etc (burocracia). Via de regra quanto maior for a burocracia exigida antes do empréstimo, menor será a taxa.

Algumas linhas que exigem essa burocracia e seguem esta lógica: Empréstimo Pessoal contratado com seu gerente, Empréstimo Consignado, Financiamento Imobiliário, Financiamento de Automóveis, FIES etc.

Algumas linhas de crédito não exigem nenhuma burocracia na hora de sua utilização e, portanto, representam um risco alto de não recebimento por parte da instituição financeira. A consequência disso é que elas possuem taxas de juros mais altas quando comparamos com as citadas no parágrafo anterior: Rotativo do Cartão de Crédito, Cheque Especial e Empréstimo contratado diretamente no caixa eletrônico ou no internet banking.

Outro fator que influencia diretamente nas taxas dos empréstimos é a garantia de um bem vinculado ao pagamento, mas falaremos disso em outro texto.

Abraços!

Lucas Madaleno